SLIDER

A maldição do vencedor, de Marie Rutkoski

Escrito por Marie Rutkoski o primeiro volume da “Trilogia do vencedor” irá nos apresentar a uma sociedade sombria e assustadora.


"- A maldição do vencedor é quando você vence as ofertas, mas só pagando um preço muito exorbitante."

Título: A maldição do vencedor
Autora: Marie Rutkoski
Páginas: 328
Editora: Plataforma 21

O exército valoriano tomou as terras herranis no passado e construiu seu império com base na elegância e riqueza, transformando também o povo herrani em seus escravos. É neste contexto que somos apresentados a filha do maior general que o império já viu, Kestrel.

Kestrel tem uma vida perfeita. Sendo valoriana tem tudo o que poderia desejar, exceto a sua liberdade. Certo dia acaba acidentalmente comprando um escravo em um leilão. Um ato contra sua própria racionalidade que irá mudar sua vida para sempre.

A música é o elemento chave entre Arin, o escravo, e Kestral. Ela não deveria tocar, pois este é um trabalho para escravos. Ele se recusa a cantar, pois isso o lembra dos tempos livres. A presença de Arin é algo perigoso, pois desperta na filha do general sentimentos incertos e duvidosos. Logo a tensão entre ambos desaparece e a afeição toma o seu lugar.

Já deu para perceber que ambos vivem em mundos distintos né? Ele quer vingança e liberdade para os herranis. Ela não consegue decidir onde sua lealdade deve estar, não pode trair seu pai e amigos, mas não consegue querer o mal de Arin e seu povo. Será possível escolher entre seu próprio povo ou seu amor?


Kestral é destemida, fria, manipuladora, calculista e estrategista. Mesmo assim é cheia de emoções. É notável o crescimento de sua força, não física, mas sim suas atitude, ao longo das páginas. O general não é o vilão. Ele é pai e soldado, o que acaba colocando-o em embates com a filha no decorrer da trama.

Já Arin é apresentado no começo como um personagem misterioso que acaba se mostrando dono de um coração muito puro. Ele anseia por sua liberdade, mas vê seus sentimentos crescerem por uma garota da raça que jurou derrubar. Vale ressaltar que ele é o meu personagem favorito no livro.

Há outros personagens bem marcantes. Logro, o líder dos herranis, traz a violência junto com o desejo de liberdade, faz com que ambos caminhem lado a lado. Jess e Ronan, os irmãos amigos de Kestral tem papeis fundamentais para o desenvolvimento da trama. Ela é a pureza em um mundo tão bárbaro. Ronan é o homem apaixonado que estaria disposto a fazer tudo por sua amada.


“A Maldição do vencedor” é muito mais do que uma capa bonita, é uma história maravilhosa. Indico muito para quem gosta do tema e para quem quer se apaixonar pelo mesmo.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.
© Luna literária • Theme by Maira G.