SLIDER

Quem é você, Alasca?, de John Green

Esta leitura foi realizada lá no ano de 2014, e aposto dizer que a primeira do autor John Green. A febre de "A culpa é das estrelas" já estava lançada, e eu, como muitos outros leitores, correu para as livrarias e garantiu todos os livros do escritor. Foi uma leitura gostosa e marcante, tanto que os anos se passaram e a história continua fresca em minha mente. Quem é você, Alasca? é muito mais que uma capa bonitinha.

“Ela tinha namorado. Eu era um palerma. Ela era apaixonante. Eu era irremediavelmente sem graça. Ela era infinitamente fascinante. Então eu voltei para o meu quarto e desabei no beliche de baixo, pensando que, se as pessoas fossem chuva, eu seria garoa e ela, um furacão”.

Título: Quem é você, Alasca?
Autor: John Green
Gênero: Young adult
Páginas: 240
Editora: WMF Martins Fontes
Avaliação: 

Cansado de sua rotina pacata, Miles Halter decide mudar de escola. Seu objetivo? Culve Creek, um colégio interno. Neste novo contexto ele dá início a novos hábitos, entre eles os estudos, bebidas, cigarros, amizades e o amor. O que ele não esperava, entre os tantos talvez da vida, era conhecer uma garota extremamente problemática, sensual, inteligente e espirituosa. Alasca Young é tudo isso e mais um pouco, misturado.

Sua vida muda completamente após quase morrer em um trote escolar. Ele descobre como é beijar, fumar, beber, basicamente, se consagrar um fora da lei entre seus vínculos acadêmicos. Mas, como nem tudo são flores, aos poucos ele se situa em total confusão e tristeza, pois percebe que está apaixonada por Alasca, a garota inalcançável.

Alasca é totalmente impulsiva, o que em vários momentos a faz ser irritante. Já Miles, o Gordo, é o tipo de pessoa que sente auto-piedade, que fantasia diversas coisas sobre a própria vida. Isso é um ponto ruim? Eu acredito que não. Isso nos mostra o quão humano estes personagens são, com todos esses medos, inseguranças e sonhos, fazendo com que nos tornamos parte do enredo. Esse de longe é um dos pontos positivos.

O desfecho da história pode ser encarado como decepcionante ou surpreendente, isso tudo depende do ponto de vista do leitor. A obra é repleta de humor e possui uma linguagem descontraída, o que o torna uma boa leitura. Indico para aqueles que buscam um entretenimento rápido, pois é o tipo de livro para se ler em uma tarde.

25 comentários

  1. Oieee!! Eu fugi da febre do autor, confesso hehehe mas dico feliz em saber que o livro é mais que um capa bonitinha! E essa pegada mais leve e de humor me agrada bastante! Gostei de saber do livro!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mi, tudo bem? Fico muito feliz em saber que gostou da resenha. Se um dia vir a realizar a leitura deste, não deixe de me contar o que achou. Até a próxima!

      Excluir
  2. Esse livro eu achei tão legal e diferente, quando li ele eu fugi do mundo! O John faz a gente amar o miles com todos os seus defeitos e inseguranças! Amei a resenha, foi mto bom relembrar o livro!

    Beijos, Gi.
    Blog About Girls

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gi, tudo bem? Eu me senti exatamente como você descreveu na época em que li a obra. Neste livro o John Green consegue nos teletransportar para dentro da história. Adoro! Me deixa muito feliz em saber que gostou <3 Obrigada pelo comentário e até mais!

      Excluir
  3. Ainda não li esse livro, depois que eu li Teorema de Katherine fiquei com um pé atrás com os livros do Green, gostei muito de sua resenha, mas ainda não me senti animada para ler...Bjs

    www.livrosemretalhos.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem? Ah, você não gostou de "O Teorema Katherine"? Uma pena, pois eu já o adorei. Confesso que não tanto quanto esse, mas achei a leitura bem divertida, com todas as suas menções à matemática. Opiniões são engraçadas, não é mesmo?! Feliz por você ter gostado da resenha. Beijos :*

      Excluir
  4. Eu até tenho curiosidade com o livro mas sinto que não vou conseguir me envolver com a leitura e por isso venho adiando o momento de ler. Achei a sua resenha bem interessante e sincera, gostei conhecer um pouco mais sobre o livro e saber a sua opinião.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Beatriz, tudo bem? Fico feliz em saber que você gostou da resenha. Em relação a não sentir vontade, o mais certo a fazer é adiar a leitura mesmo. Terrível quando lemos por pura obrigação e não curtimos a obra. Tudo tem o seu momento. Obrigada pelo comentário e até mais!

      Excluir
  5. Oi! Eu até tentei ler outros livros do autor, mas não consegui. Quem sabe no futuro. Parabéns pela resenha <3 Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, tudo bem? Uma pena não ter funcionado para você, algumas de suas obras são bacanas. Mas, com sempre digo, tudo tem o seu momento, e com a leitura não seria diferente né?! Muito obrigada e até a próxima. Beijos :*

      Excluir
  6. Eu não li o livro, mas leio sempre resenhas positivas,assim como a sua. Mas tenho que dizer que não me animo a ler. Como não sou o publico alvo, acho que por isso a história não me atrai.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nilda, tudo bem? Quando o santo não bate, não tem o que fazer mesmo. O importante é achar leituras que a agradam. Obrigada pelo comentário. Beijos!

      Excluir
  7. Acredita que eu nunca li nada do John Green? (Não me julgue rs)
    Sempre leio resenhas positivas sobre esse livro em especial, mas ainda não tive vontade de ler. Comprei a culpa é das estrelas e está na lista de leitura, se eu gostar da escrita do autor vou procurar "quem é você alasca?"
    Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mylena, tudo bem? Não te julgarei, muitas pessoas passaram correndo da febre John Green. Se gostar, também lhe aconselho a ler "Will & Will", foi uma leitura incrível para mim. Muito obrigada e até mais querida :*

      Excluir
  8. Só acho que o desfecho será decepcionante se o leitor não estiver aberto para a proposta do livro, que é mostrar a o quento a vida é imprevisível (ao menos foi isso que absorvi da obra). Eu amo esse livro, ele é o meu preferido do autor (supera em muito A Culpa é Das Estrelas) e um dos meus favoritos da vida. Queria que o Green publicasse outro livro, não sou fã dele, mas sua escrita me agrada muito. Beijos do Wes ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Wesley, tudo bem? Felicidade por ler esse seu comentário que diz tudo o que penso hahaha! Também concordo que supere "A culpa é das estrelas", porém o meu favorito é "Will & Will", depois este, e continuo na esperança por outro livro. A escrita do autor realmente é muito gostosa e agrada fácil. Muito obrigada pelo comentário e volte por aqui sempre <3 Beijos!

      Excluir
  9. Do autor li apenas Acede, e confesso que este livro não me empolgou para leitura, apesar de ser bem comentado. Espero que os leitores sempre fiquem empolgados com o final.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rose, tudo bem? Normal, nem todos os livros são do agrado. Eu gosto muito de "A culpa é das estrelas" também, porém fiquei mais tocada com o filme. Vai entender. Muito obrigada pelo comentário e até a próxima!

      Excluir
  10. Tenho vários livrinhos do Green esperando leitura na estante... ehehehe sempre fica pra depois, mas você me motivou a pegar um deles logo!
    Acho que ainda não tenho Quem é você, Alasca e, pelo enredo acho que é uma história que vou gostar de ler, então, já foi pra lista de desejos. <3
    xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rê, tudo bem? Fico muito feliz em saber que minha resenha motivou você a querer ler logo os livros do autor. Tenho certeza que não irá te decepcionar. Depois me conta o que achou. Beijos!

      Excluir
  11. Confesso que também fugi da febre do autor e acabei criando um pré-conceito com os livros dele.
    Gostei da sua opinião sobre esta obra, quem sabe daqui um tempo e não me renda aos livros dele.
    Parabéns pela resenha ficou bem estruturada.

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Li esse livro há pouco tempo pq uma amiga me obrigou. Mas ao contrário de você, eu não curti muito o livro. Assim como mencionou, eu sou do grupo que achou o final decepcionante :/
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Gostei muito da Alaska, mesmo não tendo gostado tanto assim do livro. A escrita do Green é cativante sempre e isso me faz terminar qq coisa escrita por ele.
    Bjsss

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Eu também sofri dessa febre que você mencionou de querer ler todos os livros do autor depois de ler "A culpa é das estrelas". Porém, nenhum dos outros livros me agradaram. Li "O teorema de Katherine" e foi uma das leituras que menos funcionou comigo. E "Quem é você, Alascar", para mim, também deixou muito a desejar. Quero ler o conto dele no livro "Deixe a neve cair", dizem que supera qualquer um.
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Nunca li os livros do autor, somente assisti os filmes. Em ACEDE e Cidades de Papel o casal não termina junto no final, chuto dizer que acontece o mesmo com "Quem é você, Alasca?". Pra mim, romântica incurável, não faz muito bem essas leituras, lágrimas rolam hahahaahah

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.
© Luna literária • Theme by Maira G.