28.9.17

Viva os nacionais #4

Júlia Raquel
O tema da quarta postagem do projeto é sobre a valorização aos autores nacionais. Ao longo das postagens pude perceber que muita gente não lê o tanto que gostaria. E, como eu mesma confessei na última postagem, este também é o meu caso.

Aqui, preciso concordar e muito com o que a Giu, do Blog Eu amo, escreveu: a culpa não é totalmente nossa. Grande parte da parcela é das próprias editoras, que muitas vezes priorizam a publicação de autores internacionais. O que, por sua vez, nos leva a um tipo de bolha social na literatura. Estamos acostumados com o que é apresentado e acabamos não pesquisando histórias da nossa terra. Mas, afinal, como mudar isso?

Há inúmeras plataformas por ai que disponibilizam histórias fantásticas de autores nada conhecidos. E aqui, eu não estou falando sobre sites que compartilham pdf, (errado!) até porque esse assunto é para outra postagem.

Um exemplo disso é o Wattpad, um site/app, onde é possível compartilhar e ler diversas histórias. Para vocês terem uma noção, a autora Ray Tavares saiu de lá e o livro dela, “Os 12 signos de Valentina”, está bombando atualmente.

Amazon, sim, existem e-books gratuitos nesse mundo e são bem fáceis de serem encontrados. Além disso, há também o programa Kindle Unlimited, onde você paga uma taxa de R$20,00 ao mês e pode ler inúmeras obras. “Ah, mas no Unlimited não tens livros bons”. TEM SIM! E eu sou a prova viva disso, pois estou lendo horrores por lá. Inclusive, vale ressaltar que muitos autores independentes compartilham suas histórias através do programa.

Além disso, há também editorias que publicam vários nacionais. Exemplos disso são a Belas Letras, Faro Editorial e a Galera Record. São ótimas e eu recomendo muito.


Ou seja, o que eu quero com tudo isso é mostrar como é fácil apoiar esses autores e que desculpa não vale nesse momento, pois temos diversas maneiras de conhecer esses trabalhos. Aliás, minha meta a partir de hoje é estar lendo duas obras nacionais no mês. Espero conseguir e convido todos vocês a fazerem o mesmo.
Continue Lendo
Luna Literária • 2017 Feito com amor por: Lariz Santana