18.9.17

Frases e trechos de A prisão do rei

Júlia Raquel
Hoje venho trazer para vocês alguns trechos favoritos da obra "A prisão do rei" da autora Victoria Aveyard.

A prisão do rei | Victoria Aveyard | 552 páginas | Gênero Fantasia | Editora Seguinte

“Quando o conheci, fui seduzida por sua dor. Ele era o menino na sombra, um filho esquecido. Eu me reconheci nele. Sempre atrás de Giza, a estrela cintilante do mundo dos meus pais. Sei agora que foi proposital. Ele me enganou quando era príncipe, me atraindo para sua armadilha. Agora, estou na prisão do Rei. Mas ele também está. Minhas correntes são as Pedras Silenciosas. As dele são a coroa”.

“Não estou sangrando desta vez, mas queria estar. Para mostrar a todos o que sou, o que sempre fui. Vermelha. Ferida. Mas viva”.

“Nasci um príncipe. Tive mais privilégios do que quase qualquer um aqui. Fui criado com serviçais que atendiam a qualquer aceno ou chamado e fui ensinado que o sangue deles, por causa de sua cor, indicava que eram menos importantes do que eu (...) Essas são palavras que todos nós ouvimos. E são mentiras. Mentiras convincentes, para tornar a nossa vida mais fácil ou apagar a nossa vergonha, enquanto tornam a existência deles insuportável”.



Agora, me conte, já leu essa obra? Gostou dos trechos destacados? Espero que tenha gostado do post.
Continue Lendo
Luna Literária • 2017 Feito com amor por: Lariz Santana