16.10.18

A bruxa não vai para a fogueira neste livro, de Amanda Lovelace

Júlia Raquel
Foto: Luna literária

A bruxa não vai para a fogueira neste livro
Women are some kind of magic #2
AMANDA LOVELACE
208 páginas
Poesias & poemas
Editora Leya
Onde comprar? Amazon
Avaliação: 5🌟’s

Aqueles que consideram “bruxa” um xingamento não poderiam estar mais enganados: bruxas são mulheres capazes de incendiar o mundo ao seu redor. Resgatando essa imagem ancestral da figura feminina naturalmente poderosa, independente e, agora, indestrutível, Amanda Lovelace aprofunda a combinação de contundência e lirismo que arrebatou leitores e marcou sua obra de estreia, "A princesa salva a si mesma neste livro", cujos poemas se dedicavam principalmente a temas como relacionamentos abusivos, crescimento pessoal e autoestima. Agora, em "A bruxa não vai para a fogueira neste livro", ela conclama a união das mulheres contra as mais variadas formas de violência e opressão. Ao lado de Rupi Kaur, de "Outros jeitos de usar a boca" e "O que o sol faz com as flores", Amanda é hoje um dos grandes nomes da nova poesia que surgiu nas redes sociais e, com linguagem direta e temática contemporânea, ganhou as ruas. Seu "A bruxa não vai para a fogueira neste livro" é mais do que uma obra escrita por uma mulher, sobre mulheres e para mulheres: trata-se de uma mensagem de ser humano para ser humano – um tijolo na construção de um mundo mais justo e igualitário.

Neste segundo volume da série “Women are some kind of magic”, Amanda Lovelace traz como tema principal o feminismo e dá voz a todas as mulheres, novamente. Ela dá voz a todas as mulheres que sofreram para nos dar um futuro melhor; àquelas que lutam diariamente por nossos direitos e que tentam com muito esforço libertar a sociedade desse machismo sem escrúpulos.

A autora dá voz aos nossos gritos de socorro e revolta. Ela também aborda como é importante a união feminina para combater todas as formas de violência e opressão, afinal, juntas somos muito mais fortes.

Aqui as bruxas são sinônimos de mulheres que podem fazer o que bem entendem, capazes de incendiar o mundo ao seu redor. Nestas páginas a palavra bruxa não é um xingamento, tem um significado diferente, orgulho por todo caminho trilhado.

“pronto para uma
Verdade dura?

as mulheres
não precisam
da sua validação.

Nós
já temos
a nossa própria.”

Eu realmente não sei se consigo transmitir em palavras tudo o que esse livro significou para mim. Acabei tendo a oportunidade de lê-lo em um momento bem delicado e posso afirmar com toda a certeza que essas páginas me ajudaram a enxergar o quão tóxicas algumas pessoas podem ser. Vi acontecimentos e sentimentos da minha vida ali naqueles poemas. É maravilhoso quando um livro nos causa essa sensação.

Destaquei tantos poemas que as lombadas internas ficaram parecendo um arco-íris. Às vezes, quando estou sentada no meu quarto pensando na vida, gosto de pegar meu exemplar e reler esses trechos que me marcaram. Amanda Lovelace conseguiu traçar um caminho direto para o meu coração. Obra mais do que recomendada, essencial.

“Ser uma
mulher
é estar
pronta para a guerra,

sabendo
que todas as probabilidades
estão
contra você.
– & nunca desistir apesar disso.”

E ai, você ficou curioso com essa leitura? Para aqueles que já leram, gostaram tanto quanto eu ou compartilham de uma opinião diferente? Beijos e até a próxima!
Continue Lendo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Luna Literária • 2017 Feito com amor por: Lariz Santana