2.10.18

A princesa salva a si mesma neste livro, de Amanda Lovelace

Júlia Raquel

“A princesa pulou da torre 
& ela aprendeu que podia voar
desde o começo.”

A princesa salva a si mesma neste livro 
AMANDA LOVELACE
Women are some kind of magic #1
208 páginas
Poesias & poemas
Leya
Onde comprar? Amazon
Avaliação: 4🌟’s

Amor e empoderamento em versos que levam os contos de fada à realidade feminina do século XXI A princesa salva a si mesma neste livro, de Amanda Lovelace, é comparado ao fenômeno editorial Outros jeitos de usar a boca, de Rupi Kaur, com o qual compartilha a linguagem direta, em forma de poesia, e a temática contemporânea. É um livro sobre resiliência e, sobretudo, sobre a possibilidade de escrevermos nossos próprios finais felizes. Não à toa A princesa salva a si mesma neste livro ganhou o prêmio Goodreads Choice Award, de melhor leitura do ano, escolha do público. Esta é uma obra sobre amor, perda, sofrimento, redenção, empoderamento e inspiração. Dividido em quatro partes ("A princesa", "A donzela", "A rainha" e "Você"), o livro combina o imaginário dos contos de fada à realidade feminina do século XXI com delicadeza, emoção e contundência. Amanda, aclamada como uma das principais vozes de sua geração, constrói uma narrativa poética de tons íntimos e cotidianos que acolhe o leitor a cada verso, tornando-o cúmplice e participante do que está sendo dito.

Com muita amor, perdas, redenções, sofrimento, auto conhecimento, empoderamento, inspiração e resiliência, a autora apresenta a jornada de uma princesa que busca salvar a si mesma dessa sociedade injusta. O livro, que é dividido em quatro partes, é isso, a trajetória de uma mulher que não conhece o próprio poder e aguarda ansiosamente o dia em que alguém virá salvá-la. Será o príncipe encantado? Não, será o amor próprio e a busca pelo próprio final feliz.

“A princesa salva ai mesma neste livro” é uma obra tocante, sensível e destruidor. O livro faz com que o leitor pense sobre o sentido da vida, em como as dificuldades podem melhorar e acima de tudo, como devemos ser nosso próprio super herói. Acho importante ressaltar que a autora trata sobre assuntos como abuso sexual, bullying, luto e preconceito que podem servir sim como gatilho.

Eu nunca fui de ler poesia. Na verdade sempre tive certo receio de não conseguir entender o que o autor queria transmitir. Vejam só, que bobagem a minha. Acredito ter um momento para tudo nessa vida e a minha história com este gênero começou. Após finalizar essa leitura, sai à procura de mais. Poesia é o meu novo estilo favorito. Desejo um dia conseguir me expressar assim também. Dê a você uma chance de conhecer essas palavras.

“Se você sempre
olha para
o seu reflexo
& sente o desejo
de dizer a si mesma
 
que não é
boa o suficiente,
magra o suficiente
gostosa o suficiente,
 
então acho
que é hora
de você quebrar
esse espelho
em pedaços,
não acha?”

Mas e ai, me conta se você ficou curioso com essa estória! Para aqueles que já leram, compartilha comigo como foi à experiência. Beijos e até a próxima.


Continue Lendo

2 comentários:

  1. Oie, passei hoje para te contar que sou sua fã e vou seguir todas as suas redes sociais, abraços!
    mybeautyandsoul.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mitzi, tudo bem? Fico muito feliz em saber. Seja bem vinda <3

      Beijos.

      Excluir

Luna Literária • 2017 Feito com amor por: Lariz Santana